Agropiauí

07/06/2018 (08h06) - Atualizada em 07/06/2018 (08h06)

Governador assina projeto para recuperação de barragens


O governador Wellington Dias esteve, na quarta-feira (06), em reunião com o diretor do Idepi, Geraldo Magela, para tratar sobre ações preventivas em situações de enchentes. O Piauí teve um período chuvoso intenso este ano, que causou algumas sangrias em barragens, todas já devidamente estabilizadas.



"Tivemos um período de enchentes e resolvemos em caráter emergencial, mas também nos comprometemos em apresentar projetos de prevenção para 2019, caso o volume de chuvas seja alto novamente. Estamos voltando planejamentos para barragens, diques e canais do estado que possam vir a ultrapassar a capacidade e causar problemas para a população. Precisamos nos antecipar”, explicou Wellington.



Um projeto deve ser encaminhado ao Ministério da Integração Nacional, com as especificações dos locais que precisam de uma atenção especial. Entram nessa lista, a Barragem do Bezerro, em José de Freitas; Barragem do Emparedado, em Campo Maior; Barragem Petrônio Portela, em São Raimundo Nonato; e a Barragem Pedra Redonda, em Conceição do Canindé.



Além disso, serão solicitados recursos para a construção de diques e canais de proteção para as cidades de Uruçuí, Campo Maior, Parnaíba e São João da Serra.



“Trouxemos hoje, aqui, um documento para o governador assinar. Trata-se de solicitações que vamos fazer ao Ministério da Integração Nacional para a recuperação de barragens e construção de diques e canais. Os projetos solicitados já estão prontos”, explicou Geraldo Magela, diretor-geral do Idepi.



Fonte: Ascom